Sexta-Feira, 18 de Agosto de 2017



Notícias
Ajustar texto:

Federação

Legislação Previdenciária

  • IN 45 INSS
  • IN 77 INSS
  • IN 69 INSS

Legislação Trabalhista

No terceiro trimestre de 2016, o Porto de Santos movimentou 26,4 milhões de toneladas
Por: ANTAQ
Postado em: 12/12/2016 as 13:25:13

Os portos organizados apresentaram queda de 4,1% no terceiro trimestre de 2016, quando comparado com o mesmo trimestre de 2015. Em relação aos TUPs, a queda nesse terceiro trimestre foi de 0,03%, em relação ao mesmo período do ano passado. É o segundo trimestre seguido que os terminais privados apresentam decréscimo em sua movimentação. No segundo trimestre, pela primeira vez, desde 2014, o recuo tinha sido da ordem de 2%.

No terceiro trimestre de 2016, os destaques entre os grupos de mercadoria de maiores movimentações, no período, foram: o grupo de minérios (110,7 milhões de toneladas, acréscimo de 2,5%) e contêineres (27,6 milhões de toneladas, aumento de 7,3%). Por outro lado, surgiram também destaques negativos: a movimentação de sementes, grãos e frutos (11,8 milhões de toneladas, decréscimo de 32,2%) e combustíveis (57,7 milhões de toneladas, queda de 0,4%).

Portos Organizados
No terceiro trimestre de 2016, os portos organizados movimentaram aproximadamente 89,9 milhões de toneladas de carga bruta, recuo de 4,1% em relação ao mesmo período do ano de 2015. O bom desempenho do grupo de açúcares (+19,9%) e minérios (+13,3%) não foi suficiente para equilibrar as perdas de movimentação nos grupos de cereais (-32,6%); sementes e grãos (-34%) e contêineres (-5,7%).

Os dez principais portos organizados, em movimentação, movimentaram 78,7 milhões de toneladas, o que corresponde a 87,5% da movimentação total dos 33 portos organizados que registraram operação no trimestre. Os destaques no crescimento de movimentação foram Vila do Conde (PA) (+8,5%), Suape (PE) (+34,4%) e Itaguaí (RJ) (+11,6%).

TUPs
A movimentação de cargas nos terminais de uso privado recuou no terceiro trimestre de 2016, puxada por quedas na movimentação de cereais (-21,6%) e sementes e grãos (-32,2%). O trimestre registrou, nos TUPs, 174,1 milhões de toneladas brutas: valor 0,03% menor que o registrado em 2015.
O maior destaque entre os TUPs é o Terminal Marítimo de Ponta Madeira, que na comparação com o terceiro trimestre de 2015 teve alta de 23%, um aumento de 7,4 milhões de toneladas. Na comparação entre terceiros trimestres de 2016/2015, destaque também para o crescimento de Porto do Açu (+61,6%), que é um terminal de minérios, além do Terminal Aquaviário de Angra dos Reis (+19,8%), que movimenta predominantemente combustíveis minerais.




termos MPT/PGT

Acesso Restrito

  • Balancetes
  • Prestação de Contas
  • Atas

Sindicato dos Estivadores






contato : 61 3224.1599 / 3323.2242
FEDERAÇÃO NACIONAL DOS ESTIVADORES
SCS - QUADRA 01 BLOCO "G" SALA 506 - EDIFICIO BARACAT
CEP 70309-900 - BRASILIA/DF
SIGA-NOS
© 2015 FNE - Todos os direitos reservados.